13 Passos Comprovados Para a Riqueza

Todos querem ficar ricos. Poucos conseguem. Qual o segredo, a fórmula que cria milionários?

Todo ser humano que atinge a idade de começar a entender para que serve o dinheiro quer tê-lo. Mas querer, somente, não traz riqueza. No entanto, desejar riqueza com um estado de espírito que se torne uma idéia fixa, planejar meios e modos definidos para conquistá-las e basear esses planos em uma persistência que não admita o fracasso – isso, sim, trará riqueza.

Veja a seguir os 13 Passos Comprovados que devemos seguir, se quisermos alcançar a riqueza:

1 – Desejo: O Começo de Todas as Realizações (O Primeiro Passo em Direção à Riqueza)

O método pelo qual o desejo de riquezas pode ser transformado em seu equivalente financeiro fundamenta-se em seis práticos e definidos passos:

Primeiro. Fixe em sua mente a quantia exata que você deseja. Não basta dizer apenas: “- Eu quero muito dinheiro.” Determine qual o montante. (Existe uma razão psicológica para essa determinação, que será descrita nos próximos passos.)

Eu irei compartilhar com você uma das minhas metas. Pegue papel e caneta e anote as suas, se quiser compartilhe conosco também nos comentários.

Meu montante: R$ 1.000.000,00 (Um milhão de reais).

Segundo. Declare exatamente o que pretende dar em troca do dinheiro que receber. (Nada vem de graça.)

O Que Eu Darei: Compartilharei dicas, estratégias, oportunidades, soluções e técnicas sobre Marketing e Empreendedorismo Digital.

Terceiro. Estabeleça uma data definida na qual pretende possuir a importância desejada.

Data: 17/12/2023.

Quarto. Elabore um plano detalhado para a realização do seu desejo e comece imediatamente, quer se considere ou não em condições de colocá-lo em ação.

Plano: Top Secret! 🙂

Quinto. Redija um documento declarando precisa e claramente a quantia que quer conseguir, determinando o prazo limite, especificando o que pretende dar em troca e descrevendo em detalhes o plano a ser posto em prática para juntar dinheiro.

Documento: Redigido e publicado online.

Sexto. Leia a declaração escrita em voz alta, duas vezes por dia: uma antes de deitar-se à noite e outra assim que se levantar pela manhã. Enquanto lê, acredite que já tem o dinheiro em seu poder. Veja e sinta a cena.

É fundamental seguir as instruções descritas nessas seis etapas. É especialmente importante observar e seguir as instruções da sexta etapa. Você talvez ache impossível “Ver-se na posse do dinheiro” antes de tê-lo realmente. É aí que entra o desejo ardente. Se você desejar dinheiro tão intensamente a ponto de o desejo virar idéia fixa, não terá dificuldade em convencer-se de que irá consegui-lo. O objetivo é querer dinheiro com tal determinação que você se convença de que vai tê-lo.

2 – Fé: Visualização do Desejo e Certeza da Realização (O Segundo Passo em Direção à Riqueza)

A mente tomada por emoções positivas torna-se um abrigo favorável para o estado de espírito conhecido como fé. A fé pode, à vontade, transmitir ao subconsciente instruções que são aceitas e rapidamente postas em ação.

A Auto-Sugestão Pode Induzir A Fé

No decorrer dos tempos, os religiosos sempre aconselharam a humanidade a “ter fé” nisso ou naquilo, neste ou naquele dogma ou credo, mas não lograram dizer ao povo como conseguir; não explicaram que “a fé é um estado de espírito que pode ser induzido pela auto-sugestão”.

Em linguagem acessível, vamos ver tudo o que sabemos sobre o princípio pelo qual a fé pode ser criada ou desenvolvida.

Tenha fé em você; fé no Infinito.

Fé é o “eterno elixir” que dá vida, poder e ação ao impulso mental.

A frase anterior merece ser lida duas, três quatro vezes e em voz alta!

Fé é o ponto de partida para toda acumulação de riqueza.

Fé é a base de todos os “milagres” e de todos os mistérios que não podem ser analisados pelas leis da ciência.

Fé é o único antídoto conhecido para o fracasso.

Fé é o elemento que, combinado à prece, abre um canal direto de comunicação com a Inteligência Infinita.

Fé é o elemento que transforma a vibração comum do pensamento, criada pela mente finita do homem, em seu equivalente espiritual.

Fé é o único instrumento por meio do qual as forças cósmicas da Inteligência Infinita podem ser atraída e aproveitadas pelo homem.

Todas essas afirmativas podem ser provadas!

A prova, simples e facilmente demonstrável, está ligada ao princípio da auto-sugestão. Vamos, pois, concentrar nossa atenção na auto-sugestão – em que consiste e o que é capaz de realizar.

A Fórmula Da Autoconfiança

Primeiro: Sei que possuo a capacidade para alcançar meu propósito definido na vida. Assim, exijo de mim uma ação persistente e contínua para atingi-lo e prometo, aqui e agora, começar a agir imediatamente.

Segundo: Compreendo que os pensamentos dominantes da minha mente, a seu tempo, se manifestarão em forma de ação física, transformando-se gradualmente em realidade material. Assim, concentrarei meus pensamentos, por trinta minutos diariamente, na tarefa de pensar na pessoa que tenciono ser, criando uma clara imagem mental do resultado.

Terceiro: Sei que, pelo princípio da auto-sugestão, qualquer desejo que eu guardar com persistência em minha mente acabará por encontrar um meio prático de expressar-se, a fim de atingir o objetivo por ele apoiado. Assim, devotarei dez minutos do meu dia para exigir de mim o desenvolvimento da autoconfiança.

Quarto: Escrevi claramente uma descrição do meu alvo principal definido na vida e nunca deixarei de tentar alcançá-lo, até desenvolver autoconfiança suficiente para isso.

Quinto: Percebo com clareza que nenhum bem ou posição pode perdurar, a menos que seja construído sobre verdade e justiça. Assim, não participarei de transação que prejudique qualquer pessoa. Obterei êxito atraindo para mim as forças que quero usar e a cooperação de outras pessoas. Induzirei os outros a me servirem por meio do meu desejo de servi-los. Eliminarei hostilidade, inveja, ciúme, egoísmo e cinismo, desenvolvendo amor por toda a humanidade, porque sei que uma atitude negativa em relação aos outros jamais poderá trazer-me sucesso. Farei os outros acreditarem em mim, pois acreditarei neles e em mim.

Assine seu nome nesta fórmula, assim como eu fiz, e garanta preservá-la na memória e lê-la em voz alta uma vez por dia, com fé plena de que, gradualmente, influenciará seus pensamentos e suas ações, de maneira a tornar-se uma pessoa bem-sucedida e autoconfiante.

AutoSugestão - Como Influenciar O Subconsciente - O Terceiro Passo em Direção à Riqueza

3 – Auto-Sugestão: Como Influenciar O Subconsciente (O Terceiro Passo em Direção à Riqueza)

Primeiro. Vá para um lugar tranqüilo (de preferência na cama, à noite), onde não haja ruídos ou interrupções. Feche os olhos e repita em voz alta (para que possa ouvir as próprias palavras) o registro por escrito da quantia que pretende ganhar, o tempo limite para consegui-la e a descrição do serviço ou bem que tenciona oferecer em troca desse dinheiro. Enquanto segue essas instruções, veja-se já na posse do dinheiro.

Como no meu exemplo: Tencionei que irei acumular o equivalente a R$ 1.000.000,00 (Um milhão de reais) em cinco anos, até 17 de dezembro, e que pretendo oferecer serviços e soluções sobre Marketing e Empreendedorismo Digital em troca desse dinheiro, então a declaração escrita do propósito deverá ser assim:

“No dia 17 de dezembro de 2023, terei em meu poder o equivalente a R$ 1.000.000,00 (Um milhão de reais), que me chegarão em quantias variadas, de tempos em tempos, até essa data.

Em troca desse dinheiro, oferecerei os serviços mais eficientes, em maior quantidade e de melhor qualidade de que sou capaz, no ramo de Marketing e Empreendedorismo Digital.

Acredito que terei esse dinheiro em meu poder. Minha fé é tão forte que consigo ver o dinheiro diante dos meus olhos. Posso tocá-lo com as minhas mãos. O dinheiro está aguardando para ser transferido para mim, no tempo e à medida em que eu entregar o serviço que pretendo prestar em troca. Aguardo um plano para ganhar esse dinheiro. Assim que tiver esse plano, vou segui-lo.”

Segundo. Repita esse programa pela manhã e à noite, até conseguir ver (na sua imaginação) o dinheiro que pretende ganhar.

Terceiro. Coloque uma cópia escrita da sua declaração onde possa vê-la, pela manhã e à noite, e a leia antes de dormir assim que se levantar, até decorá-la.

Enquanto segue essas instruções, lembre-se de que está aplicando o princípio da auto-sugestão com o propósito de dar ordens ao seu subconsciente. Lembre-se, também, de que o seu subconsciente só aceita instruções acompanhadas de emoção e encaminhadas a ele com “sentimento”. A fé é a mais forte e a mais produtiva das emoções. Siga o que o segundo passo sobre a fé aconselha.

4 – Conhecimento Especializado: Experiências e Observações Pessoais (O Quarto Passo em Direção à Riqueza)

Em primeiro lugar, decida o tipo de conhecimento especializado de que precisa e o propósito a que se destina. O seu objetivo e a meta que você tem em mente determinam em grande parte o tipo de conhecimento necessário. Resolvida essa questão, a providência seguinte é conseguir informações precisas acerca de fontes confiáveis de conhecimento. As mais importantes são:

a) Sua experiência e formação;

b) Experiências e informações disponíveis por meio de cooperação de outros (aliança com Mentes Mestras);

c) Colégios e universidades;

d) Bibliotecas públicas (publicações e livros nos quais pode ser encontrado todo o conhecimento acumulado pela civilização);

e) Cursos especiais de treinamento (cursos noturnos e de educação a distância).

O conhecimento adquirido deve ser organizado e colocado imediatamente em prática, com um propósito definido, de acordo com planos práticos já elaborados. O conhecimento só tem valor se for obtido por intermédio de sua aplicação, com vistas a um fim louvável. Eis aí uma das razões da pouca valorização dos títulos acadêmicos: ele representam nada mais do que conhecimento variado.

5 – Imaginação: A Oficina Da Mente (O Quinto Passo em Direção à Riqueza)

A faculdade imaginativa funciona de duas maneiras. Uma é conhecida como “imaginação sintética” e a outra como “imaginação criativa”.

Imaginação Sintética: Por meio dessa faculdade, pode-se dispor em novas combinações antigos conceitos, idéias ou planos. Essa faculdade não cria; apenas trabalha sobre o material acumulado pela experiência, educação e observação. É a faculdade mais usada pelo inventor, com exceção do gênio, que, quando não pode resolver seu problema por meio da imaginação sintética, recorre à imaginação criativa.

Imaginação Criativa: Pela faculdade da imaginação criativa, a mente finita do ser humano estabelece comunicação direta com a Inteligência Infinita. É a faculdade pela qual são recebidos os pressentimentos e as inspirações. É por meio dessa faculdade que idéias novas ou fundamentais são legadas ao homem.

É também por meio da imaginação criativa que recebemos as vibrações das mentes de outras pessoas. É ela que permite a uma pessoa se comunicar ou entrar em sintonia com o subconsciente de outra.

6 – Planejamento Organizado: A Materialização Do Desejo Em Ação (O Sexto Passo em Direção à Riqueza)

Como vimos no passo 1 tudo o que o homem quiser criar ou alcançar começa sob a forma de desejo. Esse desejo surge no primeiro estágio da sua jornada, do abstrato para o concreto, e é levado para a oficina da imaginação, onde planos para sua realização são criados e organizados.

No passo 1, você recebeu a instrução de utilizar seis práticos e definidos passos para primeira atitude para a transformação do desejo por dinheiro em seu equivalente monetário. Um desses passos (4º) é a formação de planos práticos e definidos, por intermédio dos quais essa transformação pode ser feita.

Agora, você verá como elaborar planos práticos:

a) Alie-se a um grupo de quantas pessoas achar necessárias à criação e execução dos seus planos para a acumulação de riqueza – fazendo uso do princípio da Mente Mestra. descrito no passo 9. (É absolutamente essencial seguir essas instruções. Não se descuide.)

b) Antes de formar a sua aliança para a Mente Mestra, decida que vantagens e benefícios você pode oferecer aos membros do grupo, em troca da cooperação deles. Ninguém trabalha indefinidamente sem alguma forma de compensação. Nenhuma pessoa inteligente irá, tampouco, solicitar ou esperar que alguém trabalhe sem a compensação adequada, embora ela nem sempre venha em forma de dinheiro.

c) Procure encontrar-se com os membros do seu grupo de Mente Mestra pelo menos duas vezes por semana ou mais freqüentemente, se possível, até chegarem juntos aos planos necessários à acumulação de dinheiro.

d) Mantenha-se em harmonia perfeita com cada um dos membros do seu grupo de Mente Mestra. Se houver desarmonia, pode esperar pelo fracasso. O princípio da Mente Mestra não funciona onde não prevalece a harmonia perfeita.

lembre-se do seguinte:

Primeiro. Você está assumindo uma empreitada da maior importância e, para ter certeza do sucesso, precisa de planos perfeitos.

Segundo. Você deve contar com a experiência, a formação, a habilidade natural e a imaginação de outras mentes. Isso se harmoniza com os métodos seguidos por todos aqueles que acumularam grandes fortunas.

Decisão - Dominando O Hábito De Deixar Para Depois - O Sétimo Passo em Direção à Riqueza

7 – Decisão: Dominando O Hábito De Deixar Para Depois (O Sétimo Passo em Direção à Riqueza)

O hábito de adiar as tarefas – a procrastinação – é o oposto da decisão e um inimigo muito comum. Praticamente todas as pessoas precisam trabalhar esse aspecto.

Aqueles que não conseguem acumular dinheiro, sem exceção, têm o hábito de tomar decisões, quando tomam, muito devagar, bem como de alterá-las rápida e freqüentemente.

Em geral, as pessoas que não conseguem acumular dinheiro suficiente para cobrir as próprias necessidades deixam-se influenciar pela opinião dos outros, permitindo que meios de comunicação e mexericos da vizinhança pensem por elas. Opiniões são a mercadoria mais barata da face da Terra. Todo mundo tem várias delas prontas para serem passadas a quem quiser recebê-las. Se você se deixar influenciar pelas opiniões ao tomar uma decisão, jamais terá sucesso em qualquer empreitada, inclusive na transformação do seu desejo em dinheiro.

Quando somos influenciados pela opinião alheia, abrirmos mão dos nossos desejos.

Ao colocar em prática os passos descritos neste artigo, siga as suas opiniões, tome a decisão e siga-a. Não confie em quem quer que seja, exceto naqueles que fazem parte do seu grupo de Mente Mestra – e tenha muito cuidado na seleção! Escolha apenas quem tiver simpatia pelo seu propósito e estiver em harmonia com ele.

Amigos íntimos e parentes, embora não pretendam, freqüentemente prejudicam, emitindo opiniões ou ridicularizando-o, sob uma capa de humor. Milhares de homens e mulheres carregam pela vida complexos de inferioridade porque tiveram a autoconfiança destruída por uma pessoa bem-intencionada, mas ignorante.

Você tem uma mente e um cérebro. Use-os e tome as suas decisões. Se precisar de fatos ou informações para isso – como provavelmente vai acontecer -, pesquise, mas sem revelar as suas intenções.

É característica daqueles que têm apenas um conhecimento superficial, de fachada, tentarem impressionar, aparentando saber muito mais. Em geral esses indivíduos falam muito e ouvem pouco. Se quiser adquirir o hábito de decidir prontamente, mantenha os olhos e ouvidos abertos e a boca fechada. Quem muito fala pouco realiza. Se falar mais do que ouve, você não apenas perderá a oportunidade de adquirir novos e úteis conhecimentos, como irá revelar os seus planos e objetivos a pessoas invejosas, que terão prazer em atrapalhar.

Lembre-se também de que, toda vez em que abre a boca diante de um profundo conhecedor de determinado assunto, você expõe o seu nível de conhecimento – ou a falta dele! O saber genuíno se manifesta pela modéstia e pelo silêncio.

Tenha sempre em mente o fato de que a pessoa que se associa a você também procura uma oportunidade de ganhar dinheiro. Se você, inadvertidamente, revelar os seus planos, poderá surpreender-se ao descobrir que alguém passou à sua frente e os colocou em prática.

Uma das suas primeiras decisões deve ser a de manter a boca fechada e os olhos e ouvidos abertos.

Para não se esquecer de seguir esse conselho, escreva com letras bem grandes e deixe afixada em algum local para o qual você possa olhar diariamente a seguinte frase: “diga ao mundo o que você pretende fazer, mas mostre primeiro.”

Isso equivale a dizer que “o que mais conta são os atos, e não as palavras”.

8 – Persistência: O Esforço Continuado Necessário Para Induzir A Fé (O Oitavo Passo em Direção à Riqueza)

Persistência é um estado de espírito; pode ser cultivada, portanto. Como todos os estados de espírito, a persistência se baseia em causas definidas, inclusive estas:

a) Certeza de Propósito. Saber o que se quer é o primeiro e talvez o mais importante passo para o desenvolvimento da persistência. Uma sólida motivação nos força a superar muitas dificuldades;

b) Desejo. É muito mais fácil adquirir e manter a persistência quando se persegue o objeto com intenso desejo;

c) Autoconfiança. A certeza da própria capacidade de executar um plano estimula a persistência; ( A autoconfiança pode ser desenvolvida por meio do princípio descrito no passo sobre auto-sugestão).

d) Precisão de Planejamento. Planos bem-organizados, ainda que fracos ou impraticáveis, estimulam a persistência;

e) Conhecimento Apurado. A certeza de um planejamento bem-feito, baseado na experiência ou na observação, estimula a persistência; “supor” em vez de “saber” destrói a persistência;

f) Cooperação. Cooperação harmoniosa, solidariedade e compreensão favorecem a persistência;

g) Força de Vontade. O hábito de concentrar o pensamento nos planos para a realização de um propósito definido leva à persistência;

h) Hábito. A persistência é resultado direto do hábito. A mente se alimenta das experiências diárias que absorve, tornando-se parte delas. O medo, o pior dos inimigos, pode ser efetivamente curado pela repetição forçada de atos de coragem. Quem foi à guerra sabe disso.

Antes de deixar esse assunto, analise o quanto você é persistente. Identifique os aspectos em que lhe falta essa qualidade. Avalie-se corajosamente, ponto por ponto, e veja quais são as suas falhas em cada um dos oito fatores da persistência. Os resultados podem levar você a se conhecer bem melhor.

Como Desenvolver A Persistência

Aqui estão quatro passos simples que levam ao hábito da persistência. Não há necessidade de grande inteligência, conhecimento específico nem muito tempo ou esforço.

  1. Propósito definido, apoiado em ardente desejo de realização;
  2. Plano definido, expresso em ação contínua;
  3. Mente impermeável a influências negativas ou desencorajadoras, inclusive sugestões desfavoráveis de parente, amigos ou conhecidos;
  4. Aliança amigável com uma ou mais pessoas capazes de oferecer estímulo para levar adiante o plano e o propósito.

O Poder da Mente Mestra - A Força Motriz - O Nono Passo em Direção à Riqueza

9 – O Poder da Mente Mestra: A Força Motriz (O Nono Passo em Direção à Riqueza)

O poder é essencial para o sucesso de quem quer ganhar dinheiro. Sem o poder para transformá-los em ação, os planos de nada servem.

Uma boa definição para o poder é: conhecimento organizado e inteligentemente direcionado. Poder, na acepção aqui utilizada, refere-se ao esforço organizado, suficiente para que o indivíduo transforme o desejo em seu equivalente monetário. O esforço organizado acontece por meio da coordenação dos esforços de duas ou mais pessoas que trabalham por um objetivo definido, em espirito de harmonia.

Para ganhar dinheiro, é preciso poder! Para guardar dinheiro, é preciso poder!

Vamos examinar como se pode adquirir poder. Se poder é “conhecimento organizado”, vejamos quais são as fontes de conhecimento:

a) Inteligência Infinita. Essa fonte de conhecimento pode ser acessada através do procedimento descrito em outro passo, com a ajuda da imaginação criativa;

b) Experiência Acumulada. A experiência acumulada pela raça humana (ou aquela porção que foi organizada e registrada) está em qualquer biblioteca pública bem-equipada. Uma parte importante dessa experiência acumulada é transmitida em instituições públicas de ensino, onde foi classificada e organizada;

c) Experimentação e Pesquisa. No campo da ciência, assim como praticamente todos os setores da vida, o ser humano reúne, classifica e organiza novos fatos diariamente. Essa é a fonte a que se deve recorrer quando o conhecimento não estiver disponível através da “experiência acumulada”. Mais uma vez, é importante usar a imaginação criativa.

O conhecimento pode ser adquirido em qualquer dessas três fontes e depois convertido em poder, desde que organizado em planos definidos e expresso em termos de ação.

A análise das três principais fontes mencionadas logo revela a dificuldade que uma pessoa teria caso dependesse apenas dos próprios esforços para reunir o conhecimento e expressá-lo por meio de planos definidos em termos de ação. Se seus planos forem abrangentes e de grandes proporções, ela deve solicitar a cooperação de outros, de modo a incutir neles o necessário elemento de poder.

10 – O Mistério da Transmutação do Sexo (O Décimo Passo em Direção à Riqueza)

A mente humana responde a estímulos, por meio dos quais é conectada a altas vibrações conhecidas como entusiasmo, imaginação criativa, desejo intenso, etc. Os estímulos a que a mente responde mais livremente são:

  1. Desejo de expressão sexual;
  2. Amor;
  3. Desejo ardente de conseguir fama, poder, ganhos financeiros, dinheiro;
  4. Música;
  5. Amizade com pessoa do mesmo sexo ou do sexo oposto;
  6. Aliança de Mente Mestra com base na harmonia entre duas ou mais pessoas que se unem para conquistar avança espiritual ou material;
  7. Sofrimento mútuo, como no caso de pessoas perseguidas;
  8. Auto-sugestão;
  9. Medo;
  10. Narcóticos e álcool.

O desejo de expressão sexual encabeça a lista dos estímulos que mais efetivamente provocam as vibrações da mente e dão partida no motor de ação física. Oito desses estímulos são naturais e construtivos. Dois são destrutivos. A lista é apresentada para que você faça um estudo comparativo das principais fontes de estimulação da mente. Provavelmente, a conclusão desse estudo será que a emoção do sexo é o mais intenso e poderoso dos estímulos da mente.

11 – O Subconsciente: A Conexão (O Décimo Primeiro Passo em Direção à Riqueza)

Você deve influenciar e controlar o “público interno” do seu subconsciente, de modo a incutir nele o desejo por dinheiro, a ser transmutado em seu equivalente financeiro. É essencial, portanto, que fique bem claro o método de abordagem a esse “público interno”. Você precisa falar o idioma dele, ou seu pedido não será ouvido; ele entende melhor a linguagem da emoção ou do sentimento. Assim, vamos descrever as sete principais emoções positivas e as sete principais emoções negativas, de modo que, quando for transmitir instruções ao subconsciente, você possa lançar mão das primeiras e evitar as últimas.

As Sete Principais Emoções Positivas Para a Riqueza

  1. Desejo;
  2. Fé;
  3. Amor;
  4. Sexo;
  5. Entusiasmo;
  6. Romantismo;
  7. Esperança.

Existem outras emoções positivas, mas essas são as sete mais poderosas e as mais comumente utilizadas no esforço criativo. Domine-as (e elas só serão dominadas pelo uso), e outras emoções positivas estarão à sua disposição quando precisar delas. Lembre-se, mais uma vez, de estar lendo o artigo cuja intenção é ajudar você a desenvolver uma “consciência de dinheiro”; para isso, é preciso encher a mente de emoções positivas. Emoções negativas impedem que a pessoa seja consciente do dinheiro.

As Sete Principais Emoções Negativas Para a Pobreza (A Serem Evitadas)

  1. Medo;
  2. Ciúme;
  3. Ódio;
  4. Desejo de Vingança;
  5. Ganância;
  6. Superstição;
  7. Raiva.

Emoções positivas e negativas nunca ocupam a mente ao mesmo tempo. Umas ou outras devem dominar. É sua responsabilidade cuidar para que as emoções positivas constituam a influência dominante da sua mente. É então que a lei do hábito vem em sua ajuda. Adquira o hábito de vivenciar as emoções positivas e, com o tempo, elas dominarão de tal modo a sua mente que as emoções negativas não conseguirão entrar.

12 – O Cérebro: Uma Estação Transmissora e Receptora de Pensamentos (O Décimo Segundo Passo em Direção à Riqueza)

O cérebro humano é uma estação que transmite e recebe vibrações de pensamentos.

Através do éter, de forma semelhante à empregada pelo princípio de transmissões radiofônicas, o cérebro de qualquer ser humano é capaz de captar vibrações de pensamento emitidas por outros cérebros.

A imaginação criativa é o “aparelho receptor”, que recebe pensamentos emitidos pelo cérebro de outra pessoa: é o agente responsável pela comunicação entre a mente consciente ou racional e as quatro fontes capazes de produzir estímulos ao pensamento.

Quando estimulada, ou “acelerada”, a mente se torna mais receptiva às vibrações que lhe chegam através do éter, vindas de fontes externa. Esse processo de “aceleração” acontece por meio das emoções, sejam positivas ou negativas.”

Apenas as vibrações – os pensamentos – de altíssima intensidade são captadas e transportadas pelo éter de um cérebro para outro. O pensamento modificado ou “acelerado” por qualquer das emoções principais vibra ainda mais intensamente, e é ele que passa de um cérebro a outro, por meio do mecanismo de transmissão com que é equipado o cérebro humano.

A emoção do sexo ocupa o primeiro lugar na lista de emoções humanas, no que se refere a intensidade e força motriz. O cérebro estimulado pelo sexo vibra muito mais intensamente do que quando essa emoção está ausente ou em descanso.

O resultado da transmutação do sexo é o aumento da intensidade das vibrações dos pensamentos a um tal nível que a imaginação criativa se torna muito receptiva às idéias que lhe chegam. Por outro lado, quando vibra intensamente, ela não apenas atrai idéias emitidas por outros cérebros através do éter, mas confere aos pensamentos do próprio indivíduo aquele feeling essencial à captação e á atuação sobre o subconsciente.

Assim, percebe-se que o princípio da transmissão é o fator pelo qual se combinam sentimentos ou emoções com pensamentos, passando-os ao subconsciente.

O subconsciente é a “estação emissora” do cérebro, é o que transmite as vibrações do pensamento. A imaginação criativa é a “receptora”, é ela que capta no éter essas vibrações.

Ao lado de importantes fatores do subconsciente e de faculdade da imaginação criativa – que constituem a aparelhagem de emissão e recepção do mecanismo de transmissão mental – considere o princípio da auto-sugestão, que é o meio pelo qual a “estação transmissora” pode entrar em operação.

A operação da “estação transmissora” mental envolve um procedimento relativamente simples. Basta ter em mente e aplicar três princípio: subconsciente, imaginação criativa e auto-sugestão.

O Sexto Sentido - A Porta Para o Templo da Sabedoria - O Décimo Terceiro Passo em Direção à Riqueza

13 – O Sexto Sentido: A Porta Para o Templo da Sabedoria (O Décimo Terceiro Passo em Direção à Riqueza)

O décimo terceiro princípio é conhecido como sexto sentido. É através dele que a Inteligência Infinita se comunica, sem que o indivíduo precise pedir nada ou fazer qualquer esforço.

Esse princípio é o ápice da filosofia. Só pode ser assimilado, compreendido e aplicado depois de dominados os outros 12 princípios.

O sexto sentido é aquela porção do subconsciente chamada de imaginação criativa. Pode ser considerado também o “aparelho receptor”, que faz surgerem na mente idéias, planos e pensamentos – às vezes vistos como intuições ou inspirações.

É impossível descrever o sexto sentido a alguém que não tenha dominado os outros princípios dessa filosofia, pois não há conhecimento ou experiência para fazer comparações. Só se entende o sexto sentido pela meditação, com o desenvolvimento da mente de dentro para fora. O sexto sentido é, provavelmente, o meio de contato entre a mente finita do homem e a Inteligência Infinita; por esse motivo, é ao mesmo tempo mental e espiritual. Acredita-se que seja o ponto em que a mente humana entra em contato com a Mente universal.

Depois de dominar os princípios descritos neste artigo, você terá cumprido os requisitos necessários à aceitação de uma verdade que, de outro modo, consideraria inacreditável. A verdade é a seguinte: com a ajuda do sexto sentido, é possível ser avisado de perigos a tempo de evitá-los e de oportunidades a tempo de aproveitá-las.

Com o desenvolvimento do sexto sentido, você passa a ter sempre ao seu lado e ás suas ordens um “anjo da guarda” que mantém permanentemente abertas as portas do Templo da Sabedoria.

O único meio de comprovar essa verdade é seguindo as instruções deste artigo ou adotando algum método semelhante.

Fontes:

Os passos descritos neste artigo não foram inventados, eles foram vividos, comprovados e organizados durante vinte e cinco anos de pesquisa, com a colaboração de mais de 500 pessoas que se destacaram por sua grande fortuna e comprovaram, pelos próprios feitos, que esta filosofia é eficaz.

Você pode encontrá-los com mais detalhes no livro Quem Pensa Enriquece, de Napoleon Hill. Este livro ensina a famosa fórmula de Andrew Carnegie para ganhar dinheiro, baseada nos treze passos comprovados para a riqueza.

Ele acompanhou de perto a ascensão de 500 das maiores fortunas do mundo. Convivendo com mitos como Henry Ford, Theodore Roosevelt, King Gillette e Jonh Rockefeller, o autor encontrou 15 características comuns a todos esses grandes vencedores.

Quem pensa enriqueceprincipal fruto das idéias de Napoleon Hill, é um dos maiores bestsellers do mercado editorial, com mais de 30 milhões de exemplares vendidos no mundo. Uma obra atemporal que vem ajudando pessoas comuns a se tornarem ricas e poderosas.

Provavelmente os cinco cavaleiros da riqueza que citei neste artigo, também utilizaram esta fórmula.

Esta obra-prima tem o poder de enriquecer a sua vida. Aproveite.

Um Grande Abraço e Muito Sucesso!

João Barreto

Author: João Barreto

João Barreto é o fundador e editor do blog Autônomo na WEB! Conheceu o Marketing Digital em 2013, o que lhe proporcionou um ganho de renda extra. Após ser demitido do seu emprego em 2014, resolveu ser autônomo e fazer dinheiro através dos seus projetos na internet. É de Salvador/BA. Bacharel em Sistemas de Informação pela Faculdade Ruy Barbosa. Viciado em Games desde pequeno, gosta também de Natação, Karatê, Corrida e de viajar e conhecer esse mundo que não parece, mas é pequeno! ;)

Share This Post On

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: